fbpx

MÊS DAS VOCAÇÕES

MÊS DAS VOCAÇÕES

SOBRE VOCAÇÃO E SANTOS DO MÊS DE AGOSTO

 Canções com o tema Vocação e Missão

CD ProVocação

 

Busque aqui a letra cifrada

Mais canções com tema Vocação

 

Chamado

Jesus quando quer nos chamar,
convidar à missão,
Ele fala direto ao coração.
Faz o convite para nos desinstalar:
“Acorda, é preciso sair do lugar!”
Ele não marca hora
Seu tempo é sempre o agora,
mas por amor nos espera
aguarda o tempo de estarmos prontos,
a hora de nosso sim.
Quando chega esse momento,
e, baixinho,  Ele nos chama
Sua voz nos inflama
a fazer o que é necessário:
despertar corações adormecidos,
desbravar lugares desconhecidos
no universo de cada ser.
Ele nos chama para conhecer Sua morada,
e descobrir que Ele mora
em todo e qualquer lugar;
onde quer que haja corações sofrendo,
buscando, vivendo,
tentando ser alguém melhor.
Precisamos nos desapegar,
desprender de nossas certezas,
e deixar-nos levar pela beleza
que emana da luz que vem do amor !
Precisamos encarar o caminho,
seguir o Mestre, ser aprendiz,
o bom discípulo que não  pergunta aonde se vai chegar.
Vai porque confia !
Ele chama ! É preciso escutar e discernir,
é preciso acordar, levantar e sentir
que há uma razão maior para viver !
Ele chama ! É preciso escutar e decidir,
é preciso despertar, respirar e seguir
rumo às moradas onde Ele habita,
rumo às moradas onde pulsa a vida,
sempre na certeza de que não vamos sós

Renata  Villela

SANTOS

Os Santos são grande exemplo de vocação.

O mês de agosto, entre outros, traz a festa litúrgica de Santa Clara de Assis, no dia 11; de São Maximiliano Maria Kolbe (sobre o qual falamos aqui) no dia 14; Santa Beatriz da Silva, no dia 17 de agosto (e 1 de setembro).

Santa Beatriz da Silva

 

      Feliz oh Beatriz - Pe. Irala
   Acesse a pág. aqui

 

Santa Clara

 

      Quando amanhece - Pe. Irala e Grupo OPA
    acesse a pág. aqui

 

São Maximiliano Maria Kolbe

 

      Kolbe - Gui Tavares e Carlos Eduardo Arlotta
  Acesse a pág. aqui

 

Compre o CD ProVocação

Clique na capa

Lançando as Redes….

Todo dia, novas redes lançadas ao mar…
Toda manhã, novas redes lançadas ao mar….
A cada noite, novas redes lançadas ao mar….

Todos os dias, a tentativa de pescar um trabalho, um salário, um abrigo, um ombro amigo….
Todos os dias, a tentativa de pescar o peixe, o pão, o prato de comida, um alento para essa vida tão sofrida…

Todos os dias, a tentativa de pescar a razão da existência, garantir a sobrevivência, alimentar a consciência de que é possível lutar, viver e pescar redes cheias de felicidade…

Todos os dias, cada noite e cada manhã, surgem as estrelas que quebram o escuro da noite, nasce o sol que aquece e ilumina o dia…e as redes lançadas retornam vazias….

O cansaço abate e afoga a alegria, o desânimo ameaça a coragem e a perseverança arrisca dar lugar à apatia… É aí, então, que Jesus – O Mestre – orienta: “Lançai novamente as redes….mais uma vez!!!!”

Mais uma vez???? Já foram tantas as tentativas…e tão grande, a frustração…. Mais uma vez ????

Sim, mais uma vez!!! E o pescador confia, obedece ! Sim, escuta, abre os ouvidos para ouvir… Ouve e obedece… Vence o cansaço, supera o desânimo, retoma a coragem e lança, MAIS UMA VEZ, suas redes ao mar!

E Deus, então, se faz abundância e fartura…. e mostra que não é à toa, a luta nesta vida tão dura…. Mais forte que todo cansaço, além de qualquer fracasso, vale a certeza de quem confia e aposta, se abate mas não desiste do combate….e se encoraja porque crê!

O pescador ouve ! O pescador obedece ! Faz-se discípulo e o Mestre insiste, a missão continua, a história não acaba para quem crê. E o Mestre convida a pescar pessoas, seres humanos na multidão !

O pescador não reluta, larga as redes no chão, abandona-se na entrega de quem acredita e ouve o chamado, segredo contado no ouvido…vocação !

Abrir o coração e deixar Deus ocupar todos os espaços….Preencher-se ! Saciar-se ! E perceber-se incomodado e inquieto diante do tanto que existe por pescar….

Todos os dias, lançar as redes….A cada manhã e a cada noite, lançar as redes…. Mais uma vez????? Mais uma vez?????

Sim, mais uma vez !!!!

Renata  Villela – fevereiro / 2004

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.