OPA NAC 2016 – dia 19-01

OPA NAC 2016 – dia 19-01

37º OPA NACIONAL –  19/01

 Mais Arte, mais oração!
.

O 2º dia do nosso 37º Encontro Nacional ainda foi de trabalho, de construção. Pela manhã, um rápido plenário na capela, no lugar por excelência da oração, começou cantando-se

      QUE

e em seguida
      LUZ DA VIDA - Grupo OPA
.
Sobre essa música se fez uma rápida ressonância, questionando como se aprende a rezar. Ivonete Passos resumiu muito bem o questionamento, perguntando como pode se sentir perdido alguém que diz ter a Luz da Vida em sua vida. Em seguida, cantou-se o Salmo 50 musicado por Irala e os participantes foram direcionados a uma meditação individual de 10 minutos sobre o Jubileu Extraordinário da Misericórdia e para os trabalhos em grupo logo em seguida.

O plenário da tarde foi direcionado essencialmente a motivar o trabalho dos grupos de arte. O plenário da noite começou também na capela, quando Beá apresentou réplicas da visão de Nossa Senhora de Guadalupe e do Sudário de Turim, que ficarão junto ao altar da capela até o fim do Encontro. Explicou sucintamente a todos, em especial aos novatos, o que são e o que representam ambas as peças. Ressaltou que a visão de Guadalupe, ocorrida em 1531, incorporou diversos símbolos da cultura asteca que ficaram impressos no poncho usado pelo índio Juan Diego, que apesar de rústico permanece intocado até hoje. Foi a forma de evangelização eficiente daquele povo, demonstrando que Maria é maior que os deuses astecas, mas menor que Deus. Essa visão demonstra ainda o lado misericordioso de Maria, explicitado em sua fala: “Não estou eu aqui que sou sua mãe?”.

Beá explicou também que, embora não haja ainda comprovação científica, como em Guadalupe, tudo leva a crer que se trata realmente da mortalha que envolveu o corpo de Cristo. Sua análise identifica que a imagem é de um homem que morreu na cruz após ser torturado de forma violenta, com diversos ferimentos que concordam com a Paixão de Cristo.

O plenário continuou no Auditório, onde o OPA SP apresentou uma mescla de duas peças realizadas em 2015 no Colégio São Luís, a Via Sacra e o Auto de Natal. A ressonância salientou a qualidade dos trabalhos, tanto musical quanto em oração. Foi ressaltado também o forte envolvimento, tanto dos membros do OPA quanto dos jovens da comunidade, que foram os que efetivamente realizaram as peças. O que serviu de gancho para lembrar os diversos chamados que o OPA tem recebido, inclusive da Arquidiocese de Salvador, seu significado e importância.

Encerrando os trabalhos do dia, Dinho nos apresentou a nova estrutura do site do OPA, que já está disponível em www.opa.art.br e é baseado num forte sistema de busca dos trabalhos publicados e servirá como plataforma de comunicação e discussão entre todos nós.

Ufa, terminamos o primeiro dia completo. Vamos descansar que esse Encontro promete muito. Boa noite.

COM-PAIXÃO

(Letra: Isabel Cartaxo – Música: Beá Gandra, Ana Borges, Clara Borges, Rosely Wanderley, Lucca Achterberg, Neila Damasceno, Dinho Silva, Malu Pierre)

MISERICORDIA, ASSIM GRITA O CORAÇÃO
DE QUEM VIVE O DESESPERO,
ABANDONO E EXCLUSÃO
MISERICÓRDIA TAMBÉM GRITA A MINHA DOR
BUSCO EM DEUS MAIS PURO ALENTO
QUE ATENUA O SOFRIMENTO
E ME INUNDA DE AMOR

MÃOS DESAMPARADAS
QUANDO DEUS NOS ABRE OS BRAÇOS
OLHOS NO INFINITO
QUANDO DEUS NOS MOSTRA OS PASSOS
PASSOS DADOS RUMO À LUZ
LUZ ESTRADA QUE CONDUZ
RUMO À LIBERTAÇÃO

SEU AMOR NOS EMBRIAGA
NOS FAZ LEVITAR A ALMA
O BOM DEUS É COMPAIXÃO
O BOM DEUS É COMPAIXÃO

PASSOS DADOS RUMO À LUZ
LUZ ESTRADA QUE CONDUZ
RUMO À LIBERTAÇÃO
SEU AMOR NOS EMBRIAGA
NOS FAZ LEVITAR A ALMA
O BOM DEUS É COMPAIXÃO
O BOM DEUS É COMPAIXÃO

COM PAIXÃO (3 VEZES)

COM-PAIXÃO

No Comments

Sorry, the comment form is closed at this time.